Publicada em 09/01/2018 19:32:00

Um cenário diferente na saúde pública em Sergipe: pacientes estão sendo transferidos do Hospital de Urgência de Sergipe (Huse) para o Hospital da Universidade Federal de Sergipe (UFS) em Lagarto, a fim de realizar cirurgias ortopédicas. A ação foi possível após intervenção do líder no Congresso Nacional André Moura (PSC) no Ministério do Planejamento, que possibilitou a contratação de 75 concursados – 40 médicos, 10 enfermeiros e 25 técnicos de enfermagem – para iniciarem a prestação de serviços à população na unidade educacional lagartense.

Segundo a diretora-geral do Campus da UFS/Lagarto, Adriana Carvalho, a previsão é de que semanalmente sejam transferidos dez pacientes, especialmente do Huse. “É o impacto positivo da convocação desses profissionais, um avanço que só foi alcançado graças ao líder André, a quem agradecemos. A prática de transferir pacientes do interior para a Capital, para fazer grandes cirurgias, está agora se invertendo. Pretendemos avançar muito mais”, comemorou.

Com a reativação dos serviços médicos no HU-UFS em Lagarto, o município passará a ser o segundo polo no atendimento de casos de ortopedia. Empolgado com os resultados positivos já nestes primeiros dias de transferência de pacientes, André Moura anunciou que trabalhará para convocar outros aprovados no concurso. “Já pedi um encontro com o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, a fim de solicitar dele a ampliação do número de profissionais. A meta é oferecer um serviço de excelência em saúde pública e uma educação de qualidade no interior.”

AssCom/AM
#SergipeMaisForte
#MandatoProdutivo